ENTRETENIMENTO

NIÓBIO Brasil detém 98% das reservas mundiais

Branco, brilhante, de baixa dureza, muito resistente à corrosão, extraído sobretudo do pirocloro e da columbita. Apenas uma pitadinha em uma tonelada de aço é mais que suficiente para deixá-lo leve e com maior resistência a torções e fraturas. Quem é? Um metal de transição chamado nióbio.

Com vasta aplicação que vai de turbinas de avião até piercings, o conhecimento que se tem sobre as reservas de nióbio aponta que 98% delas estão no Brasil, que produz mais de 90% do volume comercializado. Os municípios de Presidente Figueiredo (AM) e Araxá (MG) possuem as maiores reservas prováveis.

A produção está concentrada em apenas meia dúzia de municípios. Goiás e Minas Gerais lideram as operações minerais dessa matéria-prima fundamental para as indústrias de tecnologia de ponta e grande ingrediente de equipamentos de saúde que, atualmente, orientam em salvar vidas, como os aparelhos de ressonância magnética.

A Associação Paraense de Engenheiro de Minas (Assopem) compilou dados disponibilizados pela Agência Nacional de Mineração (ANM) das operações financeiras de nióbio no país, em 2017, tanto pelos municípios produtores quanto pelas empresas.

PARAZÃO TEM DE TUDO/ASSOPEM



POPULARES

Topo