POLÍCIA CIVIL

POLÍCIA CIVIL E MILITAR EFETUAM PRISÕES DURANTE OPERAÇÃO DE DENÚNCIA ANÔNIMA

Salinópolis

As Polícias Civil e Militar prenderam cinco homens, durante operação integrada, realizada neste domingo (08), em Salinópolis, nordeste paraense. Um dos suspeitos é Carlos Augusto Ferreira da Silva, mais conhecido como “Boca”, criminoso procurado no município e que foi baleado durante a ação policial. Eles foram encontrados em uma casa, na Vila São Bento. Com os presos, drogas, munição, dinheiro e duas armas de fogo foram apreendidas.

Segundo o delegado Alberone Lobato, titular da Superintendência da Polícia Civil na Região do Caeté, a equipe policial enviada ao município de reforço e policiais civis da Superintendência e da Delegacia local, em conjunto com policiais civis do Grupo de Pronto-Emprego (GPE) e militares do Grupamento Tático Operacional (GTO), deslocou-se para averiguar a denúncia de que “Boca” estaria reunido com comparsas em uma residência.

No local, a equipe policial constatou que havia um grupo de suspeitos na residência que, ao verem a chegada dos policiais, saíram em fuga. Dois deles, ao receberem ordem para parar, renderam-se. Os dois foram identificados como Dário Gil da Costa e Junielson Fonseca Ferreira Costa. Em seguida, os policiais passaram a perseguir os fugitivos. Um deles era o criminoso “Boca”, que portava uma arma de fogo. No momento da fuga, ele chegou a atirar duas vezes em direção aos policiais civis do GPE. “Um dos policiais realizou um disparo de contenção, que neutralizou o atirador, acertando-o na perna”, detalha o delegado.

Com “Boca”, os policiais apreenderam um revólver de calibre 32 e porções de entorpecentes, além de uma em dinheiro. No momento da abordagem policial, outro suspeito, que tentou também a fuga junto com “Boca”, rendeu-se. Ele foi identificado como Carlos André de Araújo Vales. Um quarto suspeito, identificado como Paulo Sérgio da Costa Conceição, de apelido “Koréia”, conseguiu fugir da casa, mas foi preso logo em seguida, em outro local, por policiais civis do GPE.

Com ele, uma motocicleta de cor vermelha, usada na fuga, foi apreendida. Com ele, os policiais apreenderam ainda uma espingarda de fabricação caseira. Dário Gil da Costa, Junielson Fonseca Ferreira Costa e Carlos André de Araújo Vales foram autuados em flagrante pelo crime de porte ilegal de arma de fogo e munição. Já o preso Paulo Sérgio da Costa Conceição vai responder por porte ilegal de arma e por tráfico de drogas. “Boca”, que responde a processos por tráfico de drogas e homicídio, foi encaminhado para o Hospital Regional de Salinópolis.

Polícia Civil do Estado do Pará



POPULARES

Topo