POLÍCIA

HOMEM INVADE POSTO DE COMBUSTÍVEL E ESFAQUEIA A EX-MULHER E OS COLEGAS DELA

Na tarde de ontem (6), a rotina da pacata cidade de Nova Ipixuna, a 60 km de Marabá, foi quebrada pelo gesto tresloucado de Leonardo Santos de Souza. Armado de uma faca, ele invadiu o posto de combustíveis onde trabalhava a ex-mulher dele, Gildete Santos de Lima, e a esfaqueou. Colegas de trabalho da vítima, que saíram em sua defesa, também foram feridos pelo acusado.

Também teriam sido feridas na mesma briga, a mãe de Gildete, uma senhora de 70 anos e mais mulheres da família. O gatilho para as ações de Leonardo teria sido o fato de que estava marcada para ontem a audiência de separação do casal na Justiça. Ele não teria aceitado até hoje o divórcio.

Populares que presenciaram a terrível cena conseguiram dominar Leonardo, que foi amarrado e espancado. Ele poderia ter morrido se a polícia não chegasse na hora. Tanto o acusado quanto as vítimas foram levados para o Hospital de Nova Ipixuna.

Por telefone, o delegado Elias Francês informou, por volta das 19h, que Gildete estava sendo submetida naquele momento a uma cirurgia porque recebeu uma profunda facada no peito. As outras vítimas – que tudo indica – sofreram ferimentos sem tanta gravidade.

O acusado ficou de ser recambiado na noite de ontem para Marabá e, como se trata de uma tentativa de feminicídio, o caso deve ser remetido para a delegada Simone Felinto, titular da Delegacia de Atendimento à Mulher.

Detalhe: a vítima já temia alguma loucura por parte do ex-companheiro, por isso o denunciou para as autoridades e conseguiu uma medida protetiva, que proibia que Leonardo chegasse perto dela. Mas um mero papel não foi suficiente para conter o sentimento de posse que o ex-marido nutria por Gildete.


Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


POPULARES

Topo