POLÍCIA

TRÊS CORPOS CARBONIZADOS, A POLÍCIA CIVIL INVESTIGA O CASO

A Polícia Civil confirma que três corpos carbonizados foram encontrados em uma fazenda, situada nas imediações da vicinal da Martins, na zona rural de Baião, distante 80 km da cidade de Tucuruí. As vítimas são três funcionários da fazenda, cujos nomes ainda não foram divulgados. Policiais civis da Superintendência Regional de Tucuruí e da Delegacia Especializada em Conflitos Agrários, estão na região desde a manhã da sexta-feira (22), investigando os crimes. Segundo informações preliminares, os mortos na fazenda seriam um casal de caseiros e um tratorista. No domingo (24), uma equipe do IML (Instituto Médico Legal) foi acionada pela equipe de policiais civis que ainda estavam na região para remover os corpos do local.

Diante da gravidade dos fatos, o delegado-geral Alberto Teixeira, e uma força-tarefa formada por policiais civis da DPI (Diretoria de Polícia do Interior), do Núcleo de Inteligência Policial (NIP), da Divisão de Homicídios de Belém e GPE (Grupo de Pronto-Emprego), estão em deslocamento para a região com o objetivo de reforçar a equipe da Polícia Civil que já investiga, desde a manhã da última sexta-feira, os eventos criminosos na região.

A fazenda onde ocorreu o crime fica a 14 km do assentamento em que se deu o triplo homicídio no último dia 22, no município de Baião, em que foram mortos Claudionor Amaro Costa da Silva, 43 anos, sua esposa Dilma Ferreira Silva, 45 anos, e um amigo do casal, Milton Lopes, 38 anos. Até o momento, não é possível afirmar se existe relação entre os dois fatos criminosos, nem se os crimes são resultantes de conflitos agrários, mas a Polícia Civil não descarta, nesse primeiro momento, nenhuma linha de investigação e envidará todos os esforços e recursos para solucionar o mais rapidamente possível esses crimes.

Por: Walrimar Santos


1 comentário

1 comentário

  1. Pingback: POLÍCIA CIVIL PRENDE MANDANTE DE SEIS ASSASSINATOS NA ZONA RURAL DE BAIÃO – Parazão Tem de Tudo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


POPULARES

Topo