EDUCAÇÃO

VITÓRIA DO XINGU GANHARÁ POLO UNIVERSITÁRIO

 

O Pará deve ganhar um Polo Universitário oriundo da Vila Residencial que abrigou os trabalhadores na construção da Usina Hidrelétrica de Belo Monte, em Vitória do Xingu, região oeste do Estado. A empresa Norte Energia, responsável pela obra, já aprovou a implantação da cidade universitária que contará com a estrutura de mais de 2.300 moradias.

A proposta surgiu através da moção parlamentar 381/2017 de autoria do deputado estadual Eraldo Pimenta (MDB) e aprovada por unanimidade pelos parlamentares na Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa).

Inicialmente, as residências seriam desativadas e teriam como destino a demolição para dar espaço a uma Área de proteção ambiental (APA). Transformada em Polo Universitário poderá abrigar estudantes da Universidade Federal do Pará (UFPA), Universidade do Estado do Pará (UEPA) e Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), os maiores centros de ensino superior público do Estado.

A Vila Residencial Belo Monte está estruturada com sistema de água, esgoto, energia elétrica, meio fio, área de lazer, escola, centro comercial, telefone e ruas asfaltadas. A obra segundo engenheiros tem valor estimado em mais de 300 milhões de reais.

“A ideia se originou quando fiz uma visita à vila dos trabalhadores da Barragem Belo Monte, que é na realidade uma cidade toda estruturada, e está pronta para ser transformada em uma “Cidade Universitária”, explicou o parlamentar.

“Só saberá o valor de um projeto de tal grandeza e magnitude, o pai ou a mãe, que não tem condições de pagar um ensino superior ao filho. Pois além de ser uma educação pública de qualidade, aplicada na região, podemos atrair também investimentos em cursos universitários, pois já temos a estrutura pronta. Além disso, essa ação colabora com a permanência do nosso povo na região”, observou Eraldo Pimenta.

 

Por Novo Pará


POPULARES

Topo