MINERAÇÃO

GOVERNADOR DO PARÁ SE SOLIDARIZA COM A TRAGÉDIA EM BRUMADINHO E ANUNCIA MEDIADAS PREVENTIVAS

O governador Helder Barbalho divulgou nota lamentando profundamente a tragédia que assola a cidade de Brumadinho, em Minas Gerais. O gestor estadual colocou o estado do Pará à disposição para ajudar, principalmente a família da paraense Lenilda Cavalcante Andrade, ex-moradora de Parauapebas, que está entre os desaparecidos, vítimas do rompimento da barragem do Córrego do Feijão, e está desaparecida desde o rompimento da barragem.

Segundo informações, Lenilda era funcionária da mineradora Vale e foi transferida em 2016 para a unidade mineira. Os pedidos de ajuda e de busca foram iniciados por amigos e familiares da moça, através das redes sociais.

O último registro da paraense foi nas redes sociais quando ela publicou uma foto, vestida com o uniforme da empresa, momentos antes de se dirigir ao trabalho na última sexta.

Lenilda Cavalcante Andrade

Hoje cedo, o chefe do poder executivo ligou para o Secretário de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), Mauro Ó de Almeida, para pedir verificação urgente das barragens existentes em território paraense. Helder quer ações de prevenção e planejamento que possam deixar o Pará em uma situação tranquila e segura. Um grupo de trabalho será criado para acompanhar todo esse processo de verificação e análise. Atualmente, segundo o cadastro do Departamento Nacional de Produção Mineral, o Estado tem 66 barragens, duas consideradas de alto risco. As demais estão categorizadas como de baixo risco.

“Esses exemplos que estão acontecendo em outros lugares devem nos servir como referência para que possamos agir com prevenção e planejamento. Já solicitei iniciativas imediatas que evitem surpresas com episódios lamentáveis e dramáticos como estes que estamos assistindo nesse momento em Minas Gerais”, ratificou o governador.

Preventivamente, a Semas já está alertada e autorizada em coordenar, junto com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Mineração, Energia e Turismo (Sedeme), estratégias para agir nesse contexto. É preciso levar em consideração que, apesar das atividades mineradoras serem semelhantes nos estados, as situações geográficas entre ambos são diferentes.


Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


POPULARES

Topo